Movement Project

O IronBox Movement Project surge da máxima de que MORE IS NOT BETTER. BETTER IS BETTER.

É um espaço de investigação, exploração e criação. Enquadrado na filosofia conhecida como Movement Culture e seguindo a metodologia do seu fundador Ido Portal.

Exploramos padrões humanos de movimento, por serem o vocabulário básico de expressão corporal desde muito antes de sermos humanos anatomicamente modernos: hangings, inversões (pinos), sentar, agachamentos, posições verticais, corridas, levantar pesos, puxar, empurrar, lunging e torções.

Por incrível que possa parecer, depois dos sedentário, os piores movers são praticantes de fitness e respetivas profissionais. Revelando dificuldades imensas em muitos destes padrões de movimento básicos.

Num mercado (do Fitness) em que o entretenimento tantas vezes se sobrepõe ao treino, procuramos ajudar todos os que a nós se têm juntado a redefinir objetivos, a reconhecerem-se e a evoluirem.

Quantas horas devemos treinar por dia? “Who cares!”. Não é na quantidade mas sim na qualidade dos nossos treinos que melhoramos a saúde, a performance e o bem estar de cada um.

“We move. A lot. We are designed todo so - hence we are in this amazing body. I don’t mean “training” for 45 minutes three times a week - I mean a LOT. Heck, 100 years ago just to have a drink of water was a workout.”

http://www.idoportal.com/ido

O que é um mover?

É alguém que vê para além da abordagem técnica de cada movimento, modalidade ou disciplina. É um entusiasta que procura compreender o corpo, a saúde a performance e a arte da expressão física.

“You know what puts people in nursing homes is frailty and feebleness. It’s the inability to stand, to squat, to get things off the ground. I think what we’re all looking for is not just a LONGER life, but a BETTER life.”

Greg Glassman, CrossFit Founder, 2014

 

 

 

Copyright © IronBox 2018